Últimas reflexões

sobre o universo da logística

Como a logística impacta na qualidade do produto?

Como a logística impacta na qualidade do produto?

No que tange a um produto, a logística consiste em elementos vigentes entre as empresas e os clientes. Tais ações correspondem a modelos rigorosos de avaliações referentes aos serviços de logística. Entre os aspectos para medir o grau do serviço de logística encontram-se o grau de satisfação às necessidades do cliente, o cumprimento dos prazos de entrega, entre outras especificidades. 

O que caracteriza cada etapa do processo de um suprimento como importante, ou seja, um produto será avaliado por meio de cada etapa do processo, desde o pedido até a entrega deste produto até o destino final.  

Nenhuma etapa é menos importante, todas são imprescindíveis.  

Logo, a logística é substancial, pois compreende todas as variáveis e implica no resultado final da qualidade de um produto. 

Por exemplo: se a logística não for suficientemente adequada um produto pode chegar danificado até o destino final. Da mesma forma ele pode chegar sem nenhum arranhão, contudo, de nada adianta um produto chegar intacto ao seu destino de origem, se houve um atraso.  

A logística não pode ser considerada um artifício ou uma burocracia, necessita ser parte fundamental de um produto. A cadeia desse tipo de serviço deve ser organizada e eficaz. 

Pensando nessa configuração, muitas empresas têm terceirizado seu setor de logística, compreendendo que é um serviço indispensável no ciclo de vida de um suprimento em questão. Compreender que a logística necessita de um cuidado especial e implica no resultado final de um serviço é um passo importante para a empresa. Ter um setor de logística funcional é garantir que todas as partes se comuniquem bem, sabendo distinguir os papéis entre cada um e garantindo a qualidade e idoneidade do serviço. 

Quando existe um bom monitoramento acerca do ciclo de vida de um produto desde a demanda até a entrega, com otimização de todas as etapas existentes nesse espaço, há um crescimento qualitativo no setor de logística. Com o consequente impulso na área de logística, a produtividade cresce de forma notória também, caracterizando que ambos os setores se interligam e dependem do resultado de cada um para evoluírem. Para isso, o uso de indicadores externos torna-se indispensável, implicando que a empresa em questão precisa ter profundo conhecimento de seu funcionamento interno. 

Investir em um serviço de logística de qualidade é tangencial, não uma extravagância. As empresas precisam constatar que é parte integrante, não algo meramente operacional. Logo, o investimento nesse setor é essencial. Se a empresa não tem condições de infraestrutura para tal, terceirizar é a opção mais válida. Não se trata de um capricho, é um investimento básico, uma vez que cada etapa é importante no segmento de um produto. E o resultado final é totalmente impactado pela execução dessa logística. 

Faz sentido para sua empresa contratar um operador logístico especializado?  

Me adicione no Linkedin e vamos conversar.